quinta-feira, 29 de julho de 2010

Valor, Carinho e Compreensão

“Suas mãos um dia serão como as minhas, mas as minhas jamais voltarão a ser como as suas.” (Avó de Dóris, na novela Mulheres Apaixonadas (2003).

Essa frase da avó para a neta me marcou muito. Quem não odiava a Dóris por judiar dos avós não é?! É realmente uma pena saber que nossos velhinhos ainda são maltratados tanto por membros da família quanto por pessoas nas ruas como os motoristas de ônibus.

Atenção, consideração e carinho para com os nossos idosos: palavras e atos que precisam ser colocados em prática por todos nós. Afinal, muito mais que mimos e atenção dados. Muito mais que experiência e sabedoria de vida compartilhadas. Nossos avós são nosso porto seguro. Eles podem reclamar, brigar e até não entender todas as nossas vontades, mas continuam a ser um dos nossos bens mais queridos e amados.

E é com orgulho que venho homenagear aqui meu vô e minha vozinha. Mesmo sabendo que o Dia dos Avós é comemorado em 26/07, ainda dá tempo de falar o quanto amo esses meus dois lindinhos. Obrigada vovô, obrigada vovó. Que a gente possa comemorar o dia dos avós juntos, por muitos e muitos anos. E que todos saibam dar valor, carinho e compreensão aos seus avós. ;)

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Marcaram minha infância

A Princesinha - 1995
"Eu sou uma princesa. Todas as garotas são. Mesmo que elas vivam em pequenos e velhos sótãos. Mesmo que se vistam com trapos. Mesmo que não sejam bonitas, ou inteligentes, ou jovens. Elas ainda são princesas. Todas nós. "
(Sara Crewe – A Princesinha)

Ao eclodir a 1ª Guerra Mundial, o capitão do exército inglês - Crewe (Liam Cunningham) - tem que ir para a guerra. Para isso, deixa sua linda filha – Sara Crewe (Lisel Matthews) - em Nova York, num luxuoso internato para meninas, que sua esposa falecida havia estudado quando pequena. Contudo, um desastre na guerra deixa Sara “órfã” de pai também. Para pagar sua estadia, a menina é levada a trabalhar como empregada. A garota passa fome, frio e humilhação, mas continua a acreditar que é uma princesa, não importando sua situação atual, como seu pai a havia ensinado.

O Jardim Secreto - 1993
"Se você olhar bem, verá que o mundo todo é um jardim!"

Mary Lennox (Kate Maberly) é uma garota cheia das regalias que vivia na Índia com seus pais, no início do século XX. Contudo, eles não davam muita atenção para a menina. Um dia, por causa de um estouro de elefantes, Mary perde seus pais e é levada para Liverpool (Inglaterra), para morar com seu tio o Lorde Archibald Craven (John Lynch) na mansão Misselthwaite. Mary passa a explorar a propriedade e descobre um jardim abandonado. Entusiasmada com a descoberta, decide restaurar o lugar com a ajuda do filho de um dos serviçais da casa, conquistando assim a atenção do primo doente. Juntos eles desafiam as regras da casa e o velho jardim se transforma em um lugar mágico. A chegada da garota na mansão, além de modificar a própria menina modifica a todos.
.

.

.

A Princesinha e O Jardim Secreto (adaptações)

Esses dois filmes marcaram a minha infância. Eu cansei de vê-los repetidas vezes e até hoje ainda me emociono. Se você – assim como eu - ama filmes e adora uma história com lição no final e ainda não os viu, corra a locadora mais próxima ou procure para baixar na internet. Vale a pena! ;)

Ha, e adivinhem, foi uma surpresa para mim!
Ao procurar a ficha-técnica do filme A Princesinha descobri que o diretor é ninguém menos que Alfonso Cuarón, aquele que dirigiu Harry Potter e O Prisioneiro de Askaban. Nossa, eu super-detestei esse filme de HP. Talvez eu não tenha gostado porque é o meu livro preferido da série, então fiquei a implicar com a direção do filme. Mas também acho que é por causa do diretor ter descaracterizado o ambiente escolar e ter colocado os, já adolescentes, sem a farda de Hogwarts... Enfim, são vários os meus porquês, mas tenho que parabenizar Cuarón pelo filme A Princesinha. Todavia, confesso que ao ver o nome dele me bateu uma vontade imensa de conferir o livro também. haha x)
E para quem é fã da série HP, o filme O Jardim Secreto conta com a participação da professora Minerva Mcgonagall no papel da Sra. Medlock (Maggie Smith), uma rigorosa e fria governanta.

quarta-feira, 21 de julho de 2010

A sacada


Era final de tarde. O vento frio tocava os cabelos de Aline. Da sacada de sua casa ela via o impossível. O pôr-do-sol e as luzes da cidade serviam apenas de ilustração para o seu mundo de sonhos e possibilidades. Sair por aí sem destino, com uma câmera na mão e a criatividade à solta. Viajar... Pegar um carro, ônibus, bicicleta. Automóveis terrestres, apenas. Para poder admirar a beleza das cidades e a descoberta das sensações desconhecidas.
Tirar muitas fotos ao redor do mundo; saltar de bungee jumping; pilotar um avião; trabalhar de voluntária para causas infantis... Ding, dong. A campainha toca. Pluft! O barulho faz Aline despertar. Era o seu pai que mal acabava de chegar do trabalho e já teria que ir para o outro. Pluft, plaft, pluft. Obrigações chamam a garota de volta à realidade. Mas quem sabe um dia... Quem sabe?

terça-feira, 20 de julho de 2010

Feliz Dia do Amigo

Quando você chega aos seus quase vinte anos percebe que cativou e conquistou diversos e diferentes tipos de amigos. Alguns marcaram apenas momentos e ficaram registrados nas fotografias e guardados em nossas lembranças. Outros ficarão para sempre em nossos corações e caminhos. 

Há os nossos amigos de infância, os do colégio, da rua ou parque que costumávamos freqüentar. Há os amigos da faculdade, das festas, do trabalho. Os amigos que são familiares: prima (o), irmã (o), mãe, pai, avó, avô, tio, tia...

Não sei você, mas acho que todo mundo tem também aquele amigo “virtual”. Esse tipo de amigo é aquele alguém que você costumava ver todo dia, mas que por algum motivo vocês passaram a se falar apenas via internet e/ou celular. Contudo, apesar da distância e da ausência do abraço, aperto de mão, você sabe que pode sempre desabafar e contar como foi o seu dia para ele.

Há também aquele amigo que te conheceu ainda criança. Te viu crescer e amadurecer. Sabe de cor todos os seus namorados e paquerinhas. Conhece suas fraquezas, sonhos, medos e planos. Já se sente de casa e já faz parte da família. Tem tanta em comum com você que as diferenças até se dissolvem. Contudo, temos também aquele amigo que nem possui tanto em comum assim. Não partilham da mesma opinião em determinados assuntos, nem têm o mesmo gosto musical, mas mesmo assim é um grande amigo que a pessoa não cansa de estar junto.

Todavia, não importa as diferenças ou a distância. Amizade é isso mesmo. É saber enfrentar as dificuldades, saber confiar, recordar, amar. É estar sempre ali para ajudar. É puxar a orelha, mas saber respeitar a decisão do outro. É apenas querer bem e saber compartilhar os bons momentos.

Afinal, os melhores anos de nossas vidas ficarão guardados com eles. As nossas lembranças mais loucas e divertidas, aquelas que contaremos aos nossos netos com “orgulho” e guardaremos numa caixinha de recordações como tesouros, serão essas. Por isso aproveite muito. Dê valor SEMPRE ao seu amigo. E nunca deixe que nenhum possível atrito estrague as risadas e os momentos de alegria. ;)

Feliz Dia do Amigo para você, amigo internauta que acabou de ler esse post, e a todos os meus amigos e amigas queridos que moram no meu coração. :*


segunda-feira, 19 de julho de 2010

Ando assim...

Ando assim meio sem rumo.
Equilibrando-me entre o que é certo e o que é errado.
...
Sozinha, em um caminho novo e desconhecido.
Sem saber ao certo o que o destino reserva para mim.
...
Busco apenas traçar caminhos, caçar sonhos e cumprir metas.
Ocorreu um erro neste gadget

Poderá Gostar também:

Related Posts with Thumbnails